3resposta-site

Pensando em um planejamento tributário economicamente vantajoso, uma das possibilidades existentes é trabalhar a exploração no formato de parceria agropecuária, onde a empresa participa como proprietária das terras e os produtores como responsáveis pelo desenvolvimento do restante da operação (tomada de financiamentos, propriedade das máquinas, compra de insumos e contratação de funcionários). Desta forma, torna-se possível usufruir de ótimos benefícios sem grandes alterações na atual estrutura de exploração.

Os consultores Vanessa Holdefer e Felipe Leal responderam três dúvidas frequentes dos clientes sobre planejamento sucessório.

Ainda tem dúvidas? Entre em contato pelo e-mail comunicacao@safrasecifras.com.br

1pergunta-e-resposta-siteperg-2

Como ficam os financiamentos após os imóveis rurais serem transferidos para a empresa? Nossos contratos são desenvolvidos em total conformidade com as exigências dos bancos para que esta questão não traga problemas para o produtor. Então, os financiamentos já existentes permanecem no mesmo formato, alterando-se apenas a propriedade sobre os imóveis. Como a garantia dada é sobre o bem, ela permanece idêntica. Os financiamentos a serem tomados também não sofrem prejuízo em razão deste mesmo raciocínio, ou seja, o produtor solicita o financiamento e quem dará a garantia do bem será a empresa.

pergunta-e-resposta-1-site

Quais os principais benefícios de construir empresa rural e familiar? Os principais benefícios são: o planejamento tributário, que pode se tornar vantajoso em termos de imposto de renda, e a organização do patrimônio da família com regras sobre quem são os efetivos proprietários deste patrimônio e quem poderá participar dele no futuro, quem poderá administrar este patrimônio (vender, hipotecar, etc), e como ocorrerá eventual saída de membros da empresa (prazos e formas de pagamento).

Curso Sucessores do Agro – Participe!

planejamento-sucessorio-curso-sucessores-3a-edicao-destaque