“Que a PROPRIEDADE e o NEGÓCIO se mantenham sustentáveis, com crescimento e, principalmente, que seja mantida a harmonia da FAMÍLIA.”

As ações desenvolvidas pela Safras & Cifras tendem a preparar a sucessão do patrimônio em vida, com custos e atritos menores, permitindo a continuidade do negócio familiar, geração após geração. Quando a sucessão é planejada, ela se torna um processo natural e não um motivo de desespero e caos dentro da empresa.

O processo visa manter a família unida, proteger o patrimônio, minimizar os conflitos, contribuir no crescimento do negócio, facilitar a sucessão, garantir os direitos dos fundadores, minimizar as disputas judiciais entre os sucessores e reduzir os custos da transmissão do patrimônio.

Através do planejamento sucessório é possível estabelecer uma relação profissional entre pais, filhos e netos, evitando que os desafios do convívio entre diferentes gerações prejudiquem o negócio. Ao profissionalizar uma empresa familiar, o produtor rural fortalece a estrutura familiar e evita o fracionamento da propriedade.

Com o passar do tempo, a realidade dessas empresas mudou. A longevidade dos pais, o maior nível de escolaridade dos filhos, além de novas oportunidades de trabalho para os jovens fez com que o processo de sucessão precisasse se adaptar às novas práticas. Para isso, foram estabelecidos novos formatos de relação, onde pais são menos autoritários com os filhos, que por sua vez, buscam maior conhecimento de gestão financeira, administrativa e tributária.

Para executar esse formato de gestão, que visa à manutenção e crescimento da escala de produção do negócio, é preciso reorganizar a estrutura existente, através da criação de controles e rotinas administrativas. Por compreender que cada empresa apresenta determinadas particularidades, a Safras & Cifras analisa, individualmente, cada situação e, só após isso, implanta ações que possibilitarão a evolução e continuidade do negócio.

Baseada na experiência adquirida ao longo do tempo é possível afirmar que a falta de preparo dos sucessores, ocasionada pela implantação tardia do processo ou quando os fundadores já não estão mais presentes, pode impactar a empresa de tal forma que ela não sobreviva à segunda geração.

Dez sugestões para a condução do processo sucessório:

  1. Não faça tarde e, muito menos, em períodos de crise;
  2. Tenha clareza das diferenças existentes entre os fundadores e seus filhos, bem como entre estes últimos. As pessoas têm perfis diferentes;
  3. Procure estimular a participação de toda a família no processo, estabelecendo um ambiente transparente e onde cada um possa expressar o que pensa com respeito;
  4. Não tenha preferência entre sócios na condução do processo;
  5. Acerte o passado para depois construir as regras para o futuro;
  6. O sucessor deve estar preparado para atender as necessidades da empresa, e não o contrário;
  7. Depois de estabelecer os acordos ao fazer as combinações da família, coloque no papel e registre para que possa ser cobrado e lembrado. O que for combinado pode ser cobrado;
  8. Lembre-se de sempre proteger os pais;
  9. Busque ao máximo evitar a ruptura na família;
  10. Talvez a mais importante seja a preocupação em passar às novas gerações a paixão pelas raízes da família, seus valores e pelo próprio negócio.

Resultados Positivos

  • Empresas resistindo com solidez por mais de uma geração;
  • Famílias unidas;
  • Minimização dos conflitos familiares;
  • Crescimento dos negócios;
  • Garantia dos direitos dos fundadores;
  • Redução das disputas judiciais entre os sucessores;
  • Redução dos custos da transmissão do patrimônio;
  • Proteção do patrimônio dos sucessores;
  • Facilidade na sucessão.

Serviços especializados

Mapeamento e Projeto para Planejamento Sucessório

Mapeamento da Estrutura Patrimonial

Mapeamento da Estrutura Contábil, Fiscal e Tributário

Mapeamento da Estrutura Fundiária

Mapeamento da Estrutura Organizacional e Familiar

Projeto para Planejamento Sucessório

Estruturação Patrimonial e Societária

Constituição de Empresas (Holding)

Acordo de Quotistas

Cisão de Empresas

Fusão de Empresas

Dissolução de Empresas

Incorporação de Empresas

Termos de Compromisso

Estruturação de Regras Societárias

Equalização Patrimonial

Organização do Negócio Familiar e Estruturação Tributária

Contratos, Distratos e Alterações de:

  • Comodato
  • Arrendamento
  • Parceria
  • Parceria Familiar
  • Condomínio de Exploração
  • Condomínio de Empregadores
  • Compra e Venda
  • Confissão e Assunção de Dívidas

Transferência do Patrimônio e Negócio para a próxima geração

Orientações para:

  • Transferência Patrimonial;
  • Cessão de Participação no Negócio;
  • Instituição e Extinção de Usufruto;
  • Estabelecer meios de preservação dos direitos dos atuais proprietários quanto ao uso, fruto e venda dos bens;
  • Elaboração de Testamento;
  • Elaboração de Inventário Extrajudicial.

Método de trabalho

1

Mapeamento

2

Planejamentos

3

Estudo de Viabilidade

4

Implantação de Ações

5

Avaliação de Resultados